Notícias

Percurso pela chilena Carretera Austral revela reservas de vida e de aventura

 diversidade geográfica do continente americano é responsável pela criação de estradas que chegam a ganhar mais fama como produto turístico do que as próprias atrações a que dão acesso. Nos EUA, a lendária Route 66; na Argentina, a Ruta 40 conta com 5.000 km entre La Quiaca, na fronteira com a Bolívia, e Rio Gallegos, na boca da Terra do Fogo; enquanto no Brasil, aventureiros seguem viagem por rodovias como a Transpantaneira e Transamazônica.

A estrada Carretera Austral tem trechos asfaltados como esse localizado no setor de Coyhaique, a 675 km de Puerto Montt


No extremo sul do Chile não foi diferente. A Carretera Austral, uma via de 1.240 km que une a Região dos Lagos ao mais longínquo da Patagônia chilena, é um dos maiores orgulhos nacionais da engenheira e sonho de consumo de viajantes, sejam esportistas, mochileiros ou grupos da Terceira Idade.

Até a metade da década de 70, a região de Aysén, onde se localiza a famosa estrada, esteve isolada do resto do país e guardava para si um cenário inóspito de clima rigoroso formado por fiordes e canais, reservas naturais e imensos bosques nativos que dividiam espaço com glaciais.

Hoje, a paisagem mudou pouco, mas a aventura começa a ganhar investimentos que já permitem percorrer o trajeto com uma estrutura mínima de opções de hospedagem e de agências locais para os atrativos mais distantes. Por conta dos eventos que estão sendo preparados para o bicentenário da independência chilena, comemorado em 2010, a estrada está sendo asfaltada em regiões como Puyuhuapi e se somará a outros trechos da estrada que, em alguns setores, é orgulho nacional devido às construções arrojadas que interagem com a dura natureza local.

Mas em se tratando de Carretera Austral, "mínimo" já é o máximo e não espere mais do que isso. Alguns trechos da estrada ainda têm condições precárias de circulação, os horários de ônibus são reduzidos e muitas das atrações relacionadas com o "produto" só podem ser visitados de carro ou acompanhado de guias locais. Mas como tudo o que é mais difícil é melhor, você logo perceberá que valerá a pena o esforço após cada quilômetro rodado.

Aysén está no norte da Patagônia chilena e caracteriza-se pelo contraste de paisagens agrestes que ora são invadidas por bosques localizados em áreas preservadas ora substituídas por imensos glaciais e canais patagônicos.

Não é à toa que a região é considerada Reserva de Vida. De vida aventureira, inclusive.

Fonte: Uol Viagens


Roteiros

Recados

adorei o site,muito completo com muita informacao..muito legal eu e meu esposo somos fãs de fortaleza,adoramos a cidade, ela é ao nosso ver a melhor do nordeste..ai que saudade da quela terra maravilhosa....

edianave

Parabéns pelo site, tá nota 10

VitorGGA

Notícias

Cely Turismo

Receba novidades